Skip to main content
Por que devo ter um e-mail personalizado?

Por que devo ter um e-mail personalizado?

Você já parou para se perguntar o que o cliente espera de você como corretor de imóveis? Competência, sim, mas também confiabilidade e segurança. Estas duas qualidades você deve passar logo de início, na apresentação da sua marca, antes mesmo de o cliente conhecer o seu trabalho. Há pelo menos duas formas de conseguir isso. Uma delas é através de um e-mail personalizado – que já demonstra o seu profissionalismo. A outra é tendo um domínio próprio.

É interessante perceber que muitos corretores de imóveis, autônomos ou não, preocupam-se com diversos aspectos para deslanchar a sua carreira, mas simplesmente não ligam para terem domínio e e-mail próprios. Eles procuram fazer uma boa cartela de imóveis, ter um amplo networking e promover uma forte presença online, mas se esquecem que ter sua marca no e-mail é um dos pontos mais importantes do marketing digital.

Tecimob - Site para corretor de imóveis e imobiliária

Da mesma forma, ainda que tenham cuidado ao produzir seu site, não se importam em ter uma URL genérica e acabam perdendo muitas oportunidades de serem vistos na rede. Para quem não sabe, várias técnicas de SEO (Search Engine Optimization) são diretamente relacionadas à URL, otimizando seu site para os motores de busca. Por outro lado, quando você tem um domínio próprio, automaticamente tem um e-mail personalizado também.

E por que isso conta tanto para o cliente?

Pense bem: quando alguém inicia em uma carreira, geralmente utiliza seu e-mail pessoal e conta com os amigos e conhecidos para começar a criar sua cartela de clientes, certo? É um meio caminho entre o amadorismo, mas quanto mais vai se firmando no mercado, mais quer ser respeitado como profissional e ter a sua marca reconhecida.

Ter um e-mail personalizado gera respeitabilidade, indica profissionalismo e demonstra seriedade em ralação à carreira, mostra que você não está ali fazendo um bico ou de forma amadora. E todo cliente – tanto o que vai colocar um imóvel nas suas mãos para vender quanto aquele que pretende fechar um negócio de alto valor, como é a compra de uma casa – quer lidar com um profissional sério.

Criando uma primeira impressão forte

Dessa forma, quem já o conhece verá que você está crescendo, galgando importantes degraus no mercado, e quem ainda não o conhece percebe logo que não está ali apenas para fazer um extra.

Não esqueça também que a internet está cheia de gente que busca uma oportunidade para se dar bem em cima dos outros – e normalmente não quer se comprometer nem aparecer, então quanto mais genérico for o e-mail, melhor, justamente para não deixar rastros. Por isso, a maioria das pessoas mais espertas sequer abre correios eletrônicos com e-mails genéricos e desconfia logo de cara das páginas cuja URL não diz a que veio. Qual a impressão que você quer passar?

Como geralmente o e-mail é o primeiro contato com a sua marca, quando ele é gerado a partir do seu nome de domínio, ou seja, do domínio próprio, você cria uma primeira impressão forte, de negócio sério e responsável, devidamente estabelecido. Já começa a relação com o cliente em potencial gerando confiança no seu trabalho.

Saiba escolher as expressões adequadas

O e-mail personalizado deve ser o nome da sua empresa ou da sua marca, assim será sempre mais fácil vincular com o seu site. No entanto, o que vem antes da @ também deve ser levado em consideração. Procure palavras que ajudem sempre a criar associações, um agregando valor ao outro. Evite nomes informais demais, cujo teor pode parecer pejorativo, ou seja, muito parecido com outras marcas já existentes. Evite também nomes muito genéricos, como contato@minhamarca.com ou faleconosco@minhamarca.com. Há centenas, milhares desses por aí e você será apenas mais um, ainda que com o seu domínio próprio. Procure criar diferenciais, colocando seu nome antes da @ ou suas iniciais, por exemplo.

Como fazer a mudança?

Se você quer trocar para um e-mail personalizado, mas tem medo de perder clientes e contatos que já conhecem o antigo, é muito fácil fazer essa transição sem qualquer prejuízo. Basta configurar o recebimento do genérico para as mensagens que chegarem serem encaminhadas para a sua nova caixa de entrada. Dessa forma você recebe todos eles e os responde com seu e-mail novo. Gradativamente a mudança será feita e você poderá até desativar o antigo.

Seguindo essas dicas você conseguirá muito mais visibilidade para a sua marca e vai gerar confiabilidade em seus clientes, novos e antigos.

Quer saber mais sobre o assunto, ainda ficou alguma dúvida? Fale com a gente aqui nos comentários e nós responderemos com outro post!

Deixe o seu comentário!

Comentários

Karine Dandolini

Analista de Marketing - Desenvolvedora das atividades do ramo. Executa processos e rotinas, visando o atendimento das necessidades da empresa, apostando também no marketing de relacionamento para com seus clientes.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE